Translate

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Lágrima




Lágrima

E cai mais uma,
Mais uma lágrima!
Redonda, transparente,
Onde simplesmente
Só uma alivia,
A alma da gente.

Pode não vir sozinha,
Podem vir mais a seguir,
Mas que lágrima pequenina
Parece que vem a sorrir.



Uma lágrima, muito diz!
Fala de tristeza,
De amor, de saudade,
Da instalada pobreza,
Num povo de toda idade.

Fala de solidão, 
De tristeza ou alegria, 
Por vezes vem do coração,
Como uma melodia.

Que tamanho contentamento,
Trá-la ao nosso rosto,
Às vezes é apenas um lamento,
Na face de quem eu gosto.

Lenta a chegar,
Do olho a sair, 
Um pouco quer ficar,
Não pensa em partir.

Muito há a falar,
Sobre uma lágrima qualquer,
Mas ninguém pode calar,
Uma lágrima de mulher!

O autor;
J. Boni.

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

O Pessegueiro e a Rosa







Um Pessegueiro escreveu a uma Rosa,
Sou jovem e muito famoso
Estou nas flor da idade...
Quero ser teu amigo,
Mas com muita tranquilidade.
Também eu quero pedir-te
Algo lindo para ouvir...
Sei que gostas de escrever
Da-me algo que faça sorrir.
Então a Rosa linda e cintilante,
Com tão linda apresentação...
Como que desabrochou,
E abriu o seu coração.
Mas o velho Pessegueiro
Que apenas queria uma amiga,
Para que pudesse desabafar
Acabou desiludido e exclamou...
Sei que sou bem velhote,
Apenas contigo quero falar.
E a Rosa que pensa ser sempre bela,
Com as suas pétalas sempre a brilhar
Não quis aceitar este amigo,
Que apenas o queria ser...
Mas que a Rosa não quis aceitar.

O autor;
J. Boni.